DEZEMBRO CAMARA PP

COB anuncia finalistas ao troféu de "Melhor Atleta do Ano" do Prêmio Brasil Olímpico 2021

Por Redação em 11/11/2021 às 15:35:19

O Comitê Olímpico do Brasil anunciou nesta quinta-feira, 11, os finalistas ao troféu de prêmio “Melhor Atleta do Ano” do Prêmio Brasil Olímpico 2021. Medalhistas olímpicos nos Jogos de Tóquio, Ana Marcela Cunha (maratonas aquáticas), Rayssa Leal (skate) e Receba Andrade (ginástica artística) concorrem no feminino; enquanto Hebert Conceição (boxe), Isaquias Queiroz (canoagem velocidade) e Italo Ferreira (surfe) estão na briga pelo prêmio máximo da festa de gala do esporte brasileiro no masculino. De acordo com a entidade, os vencedores serão revelados no dia 7 de dezembro, em cerimônia no Teatro Tobias Barreto, em Aracaju (SE). Na última edição do evento, em 2019, os melhores do ano foram o ginasta Arthur Nory e a pugilista Bia Ferreira.

Realizada desde 1999 e cancelado no último ano por conta da pandemia do novo coronavírus, a premiação irá condecorar um medalhista olímpico. No feminino, Rebeca Andrade entrou para história ao se tornar a primeira ginasta brasileira medalha em uma edição dos Jogos, ficando com ouro (salto) e prata (individual geral) em Tóquio. Rayssa Leal, por sua vez, tornou-se a atleta do Brasil mais jovem a subir ao pódio em Olimpíadas, ficando com a prata no skate street. Ana Marcela Cunha, por fim, brilhou na maratona aquática, vencendo a prova com sobras em Tóquio. No masculino, todos concorrentes são campeões olímpicos: O pugilista Hebert Conceição levou a melhor no peso médio, enquanto o canoísta Isaquias Queiroz nos 1000 m. Italo Ferreira, na estreia do surf em Olimpíadas, ficou com o ouro entre os homens.

Ana Marcela, Rayssa Leal e Rebeca Andrade (feminino), além de Italo Ferreira, Isaquias Queiroz e Hebert Conceição (masculino) estão na briga do Prêmio Brasil Olímpico

Ana Marcela, Rayssa Leal e Rebeca Andrade (feminino), além de Italo Ferreira, Isaquias Queiroz e Hebert Conceição (masculino) estão na briga do Prêmio Brasil Olímpico

O processo para a escolha dos indicados ao “Melhor Atleta do Ano” e dos melhores das modalidades foi realizada por um colégio eleitoral formado por jornalistas, dirigentes, Comissão de Atletas do COB, patrocinadores, ex-atletas e personalidades do esporte. O Prêmio Brasil Olímpico 2021 terá outras premiações, como a homenagem ao “Melhor Técnico” e a entrega do Troféu Adhemar Ferreira da Silva, destinado a personalidades do esporte que representem os valores que marcaram a vida e a carreira do saltador, como ética, espírito coletivo, eficiência técnica e física, respeito ao próximo e companheirismo. As novidades ficam por conta da criação de outras duas premiações: o Troféu TIM Transforma, para projetos que transmitam os Valores Olímpicos, e o Troféu Inspire, uma homenagem da Riachuelo às mulheres de destaque no Movimento Olímpico do Brasil.

Comunicar erro
DEZEMBRO PP 2
CMPP DEZEMBRO

Comentários

abba